REPROVAÇÃO POR FREQUÊNCIA E BLOQUEIO DE MATRÍCULA

 

O estudante de graduação que contrair duas reprovações por frequência na mesma disciplina ou atingir um total de quatro reprovações por frequência em disciplinas do curso terá sua matrícula do semestre subsequente bloqueada. O desbloqueio só poderá ser feito após assinatura de Termo de Compromisso no qual o estudante atestará que está ciente de que qualquer outra reprovação por frequência causará o cancelamento definitivo de sua matrícula. Essa regra leva em consideração, entre outros fatores, o compromisso social da UFC de aumentar o número de concluintes dentro do tempo padrão, estabelecido para conclusão dos diferentes cursos e a meta institucional de reduzir a evasão escolar e aumentar o percentual de formandos, em relação ao número de ingressantes nos diversos cursos de graduação da UFC.

 

REABERTURA DE MATRÍCULA

 

O aluno pode solicitar, desde que devidamente justificada, a reabertura de matrícula na Pró-Reitoria de Graduação, desde que o aluno tenha permanecido sem vínculo por, no máximo, 4 (quatro) semestres. Para isso, o aluno deverá protocolar requerimento, com exposição de motivos, no prazo estipulado no Calendário Universitário.

 

TRANCAMENTO TOTAL DE MATRÍCULA

 

Somente será aceito o trancamento de matrícula em todas as disciplinas de um curso mediante a apresentação de documento comprobatório de um dos seguintes motivos:

  • Doença, atestada pelo Serviço Médico da Universidade;
  • Mudança de domicílio;
  • Exercício de emprego, atestado pelo empregador;
  • Obrigação de ordem militar.

O aluno regular que não estiver cursando disciplina, por estar em situação de Trancamento Total ou de Matrícula Institucional, deverá, até os limites de 4 (quatro) semestres, consecutivos ou não, renovar, a cada período letivo, seu vínculo institucional, sob pena de cancelamento automático do mesmo.

 

MATRÍCULA INSTITUCIONAL

 

Se o aluno estiver impossibilitado de cursar o semestre e não atender aos requisitos para o Trancamento Total de Matrícula, deverá efetuar a Matrícula Institucional, garantindo, assim, seu vínculo com a Instituição. Esta matrícula poderá ser renovada a cada período letivo até o limite máximo de 4 (quatro) semestres, seguidos ou não, sendo este período computado para a integralização curricular. No entanto, para solicitar a Matrícula Institucional, o aluno precisa ter cursado pelo menos as disciplinas obrigatórias dos dois primeiros períodos do curso em que está matriculado.

 

LIMITES DE TRANCAMENTO TOTAL E MATRÍCULA INSTITUCIONAL

 

Segundo nova regulamentação, prescreverá em quatro semestres letivos, seguidos ou não, o direito ao vínculo institucional por interrupção dos estudos, seja por Trancamento Total, seja por Matrícula Institucional ou por Abandono Temporário dos mesmos. Ficam ressalvados os casos previstos em lei.